segunda-feira, 15 de março de 2010

AVAÍ 1 x 0 CRICIÚMA

Foto: Edu Cavalcanti

O JOGO

Começo falando da nossa zaga, que convenhamos, é zaga titular em qualquer time do Brasil, na tarde deste domingo tivemos em campo Rafael, Emerson Nunes e Cleyton. Rafael se firma cada vez mais como capitão do time avaiano, posto merecido por postura em campo e pelo futebol apresentado. Cleyton honrou a tradição da camisa 4 e marcou o gol da vitória contra o Cririúma, ele que não sairia como titular, teve a chance de sair jogando quando no aquecimento o zagueiro-artilheiro Emersons sentiu um desconforto muscular. Aqui cabe um comentário: O ataque avaiano tem muito o que aprender com a zaga.

O Criciúma veio a Florianópolis disposto a não perder, e isso ficou claro na retranca vista dentro de campo, eu não anotei, mas se alguém o fez, pode confirmar aí, se o time do Sul do Estado chegou 4 vezes no ataque avaiano foi muito. O time do Avaí bem que tentou aumentar o placar, mas esbarrou justamente nessa retranca.

A ARBITRAGEM

Convenhamos que das arbitragens que tivemos aqui na Ressacada, e em outros jogos do Avaí fora de casa, essa foi a menos comprometedora, porém o Sr. João Fernando da Silva deixou de marcar alguns escanteios e faltas. Nada comprometedor como eu disse, mas lhe falta pulso firme, se continuar assim vai ficar apitando o Catarinense um bom tempo.

PÉRICLES CHAMUSCA

E o treinador da "Copa do Brasil" ainda não caiu nas graças da torcida, o que mais ouvi no jogo de sábado foi a palavra "burro" vinda de todos os cantos da Ressacada. Não sou corneteiro ao ponto de ofender meu treinador, mas confesso que ele anda com a lenta engatada. Entrou com Rudinei e não com Rodrigo Thiesen, insiste em colocar o Jandson pra jogar e por aí vai. Pra piorar ele só substitui aqueles jogadores que não estão fazendo nada a hora que a torcida começa a gritar o nome do reserva, foi assim com Cristian e Roberto.

DESAFASTA!

Como perguntar não ofende, lá vai: Jandson anda jogando de graça no Avaí? Porque eu não vejo outra alternativa, o rapaz não joga nada, é jogador de segunda divisão de campeonato Acreano e o Chamusca insiste em empurrar ele no time? Jandson já caiu no desgosto da torcida, e não venham me dizer que a torcida é corneteira não, o próprio jogador cavou a sua cova com apresentações muito abaixo do nível esperado de um jogador do Avaí. Tá na hora de pegar aquele 1,90m e voltar lá pra Sergipe.

COISA LINDA!

Rodrigo Thiesen ao entrar no lugar de Rudinei, que saiu lesionado, mostrou que joga muita bola, deu movimentação ao meio de campo do Avaí e criou boas oportunidades.

Rafael está jogadno muito, marca, cabeceia, desafasta a bola, sai jogando e faz até lançamento, é sem sombra de dúvida o homem a usar a braçadeira de capitão.

Batista é outro que anda jogando muito, não sei se sou sentimentalista demais, mas pra mim Batista é um p* volante, depois que ele voltou pro Avaí vem dando uma nova cara ao time. o que foia quele lançamento dele sábado já no final do segundo tempo pro Cristian? Que bola!!

A TORCIDA

Foram exatos 6.073 torcedores sábado na Ressacada, público muito baixo, gostaria de saber no que a diretoria vai por a culpa agora, afinal era sábado e o dia estava lindo, o torcedor não comapreceu porque?

2 avaianos comentaram:

André Rodrigues disse...

És sentimentalista sim.
O coitado do Jandson até dar aquela furada no final do primeiro tempo estava sendo parado só na base da falta, não jogou mal mesmo, exceto por aquele lance :(
O Batista está melhorando cada jogo e está consolidando o lado esquerdo defensivo (que venha o Lucas Tombense).
Pra mim o Thiesen fez sua pior partida (o que não quer dizer muita coisa), errando diversos passes em locais perigosos (inclusive o da bola na trave no final do jogo).
Sobre a escalação do time, acho que muita gente foi poupada para o jogo com o Coritiba, que é a prioridade, ainda mais em um returno do jeito que está.
Burro seria, por exemplo, botar o Vandinho sábado com risco de machucá-lo; e ainda poupou o reserva imediato (Leonardo).

Bruno Carvalho - Resistência Avaiana disse...

André,

Confesso, sou sentimentalista e saudosista! haha Mas pra mim Batista nesse três jogos que atuou se mostrou digno de não sair mais da titularidade.

Já o coitado do Jandson... não vejo futebol nesse garoto, um cara do meu aldo chegou a chamá-lo de "Adriano do nordeste". Tem tamanho (pra caramba), velocidade mas não desenvolve, nunca.

Nào creio em muitas mudanças para o jogo contra o Coxa, vamos ver o que o "Péricles" vai aprontar.

Abs

  ©Resistência Avaiana - Todos os direitos reservados.

Modificado por MTblogger | Template by Dicas Blogger | Topo